Top 5 - Escritoras que você respeita

Top 5 - Escritoras que você respeita

A primeira impressão que temos é que toda fantasia e ficção especulativa, dois dos gêneros mais populares atualmente, são escritas quase que exclusivamente por homens brancos e sempre ambientadas em variações de uma Inglaterra medieval ou de um EUA futurista, onde praticamente não existem pessoas de pele negra e aqueles poucos que aparecem são decididamente vilões ou personagens periféricos.


Apesar de os grandes best sellers como de ficção científica e fantasia como O senhor dos anéis de J R R Tolkien, As crônicas de gelo e fogo de George RR martin e Eu robô de Isaac Asimov reforçarem essa primeira impressão, essa é completamente errônea. A presença negra e o impacto no mundo da fantasia e da ficção especulativa são vastos e poderosos e remete ao século 19 com Martin Delany em Blake, or  the huts America (1859-1862) que narra a história de uma revolta de escravo bem sucedida nos Estados Confederados da América e a fundação de um novo país negro em Cuba.


Muitos desses autores são essenciais para a compreensão de muitas convenções da fantasia e da ficção especulativa. Hoje trazemos uma lista das cinco autoras de que todo mundo PRE-CI-SA ler e um bônus track! Infelizmente, muitas dessas obras ainda não possuem versões em português.


Octavia Butler


oCTAVIA BUTLER2.jpg

Nascida em Pasadena na Califórnia, em 22 de junho de 1947. Filha única de uma empregada doméstica e um engraxate. Ficou órfã de pai aos sete anos, sendo criada pela mãe e pela avó materna. Octavia cresceu na Comunidade Batista de Pasadena,o que lhe permitiu viver num espaço de diversidade étnica e cultura em meio a segregação racial nos Estados Unidos.


Suas histórias frequentemente reproduzem a dominação do fraco pelo forte como um tipo de parasitismo. os protagonistas de Butler são indivíduos marginalizados e sua narrativa em em geral são escritas da perspectiva de uma mulher negra.


Prêmios: Prêmio Nebula, Premio Locus e Prêmio Hugo

Principais trabalhos: Kindred (1979), Parable of the Sower (1993) e Parable of the Talents (1998)


N K Jemisim


n-k-jemisin2.jpeg

Nascida em 19 de setembro de 1972 em Iowa e atualmente vive em Nova York. Considerada uma das melhores autoras de sua geração, seus livros são considerados “O Senhor dos anéis” dessa geração também é membro do grupo Altered Fluid writing. Além de escrever, é educadora, psicóloga especialista em orientação vocacional, alpinista e motociclista, além de manter um blog sobre política, feminismo e anti-racismo.


Atualmente, ela escreve uma coluna de crítica literária no New York Times chamada Otherworldly, na qual ela aborda o mais recente em Ficção Científica e Fantasia


Prêmios: Prêmio Nebula, Prêmio Locus, Prêmio Hugo e world fantasy award


Principais trabalhos: The Hundred Thousand Kingdoms (2010) The Fifth Season (2016)



Nnedi Okorafor


Okorafor.jpg



Escritora estadunidense de ascendência nigeriana, nascida em 8 de abril de 1974. Doutora em Literatura Inglesa pela Universidade de Illinois, em Chicago. É professora associada em literatura e escrita criativa da Universidade de Buffalo.


Seu livro “Quem teme a morte” será virará série na HBO.


Prémios: Wole Soyinka Prize for Literature in Africa, World Fantasy Award de Melhor Novela, Prêmio Nebula de Melhor Novela, Prêmio Hugo de Melhor Novela, Macmillan Writers Prize for Africa, Carl Brandon Parallax Award, Children’s Africana Book Award.


Principais trabalhos: Quem Teme a Morte (2010) e Binti (2015)



Andrea Hairston


Hairston.jpg

Nasceu e cresceu em Pittsburgh, Pensilvânia, onde ainda adolescente,atuou em organizações de direitos civis e ativismo anti guerra.


Professora de dramaturgia, estudos Afro-Americanos e Literatura caribenha no Smith College.Também é Diretora Artística do Chrysalis Theatre.


Premios:Philip K. Dick Award e James Tiptree, Jr. Award Pauline Hopkins


Principais trabalhos: Mindscape (2006), Redwood and Wildfire (2011), Will Do Magic for Small Change (2016)


Pauline Hopkins


pauline h.jpg

Pauline Hopkins foi uma proeminente romancista, jornalista, dramaturga, historiadora e editora. Ela é considerada uma pioneira no uso do romance romântico para explorar temas sociais e raciais. Seu romance, Of One Blood - também conhecido como The Hidden Self - foi publicado em uma versão serializada no The Colored American Magazine, começando em 1902 e terminando em 1903.


O romance começa em uma amarga noite de Boston, nos aposentos de Reuel Briggs , Um estudioso de misticismo. Hopkins narra um universo intrincado e fascinante recheado de mesmerismo asiático, reinos africanos antigos, misteriosos e metafísico. Of one blood trás todos os elemento de ação, aventura e romance presentes em um best seller moderno da fantasia como Harry Potter


Principal Trabalho: Of one blood(1903)





Bônus track: Nicola Yoon


NICOLA.jpg

Autora de livros Young adult, nasceu na Jamaica, cresceu no Brooklyn e atualmente mora com a família em Los Angeles.


Seu primeiro livro Tudo e todas as coisa foi adaptado para o cinema e tem estreia prevista para o início do segundo semestre de 2017.


Premios: Publisher's weekly e Amazon


Principais obras: Tudo e todas as coisas (2015) e O sol também é uma estrela (2017)


11/07/2017
Kelly Cristina

Kelly Cristina

Redatora

"Nunca acredite no contador de histórias, apenas na história”