O Pantera no filme Guerra Civil (Review)

O Pantera no filme Guerra Civil (Review)

Esta resenha se destina a falar do Pantera Negra no filme Capitão América: Guerra Civil. Foi a estreia do personagem no Universo Cinematográfico da Marvel Studios, e diversos sites e resenhas são quase unânimes em afirmar que não apenas foi a melhor estreia de um personagem como também foi a melhor figura de todo filme. Será que foi tudo isso mesmo? É o que vamos conferir agora.

 image


O filme Capitão América: Guerra Civil começa de verdade quando o príncipe T’Challa aparece pela primeira vez em cena. Nativo da nação mais avançada tecnologicamente do mundo, Wakanda, T’Challa acompanhava o pai, o T’Chaka, na conferência da ONU em Viena, para ratificar os Acordos de Sokovia - os quais objetivam tornar os Vingadores uma força-tarefa sob supervisão direta da ONU, após tantas vítimas de danos colaterais causados pelo grupo de super-heróis. Logo no início, Chadwick Boseman impacta com a força da sua presença e seu carisma, nos apresentando um T’Challa absolutamente crível e humano. A conversa com o pai T’Chaka, interpretado pelo ator John Kani, é bastante tocante, especialmente quando todos já imaginamos o que está prestes a acontecer.


image



A conferência prossegue, com o Rei T’Chaka realizando o seu discurso sobre maior integração de Wakanda com o resto do mundo, até que o pior acontece: um atentado a bomba. T’Challa percebe a movimentação estranha lá fora, solta o alerta e pula mais rápido que um raio para tentar salvar o pai, que está em pé no palanque; no entanto, não foi rápido o suficiente. Conforme esperado, o Rei T’Chaka morre - nos quadrinhos, ele é assassinado por Ulysses Klawe, que já apareceu no fime Vingadores: a Era do Ultron; e conforme o esperado, a morte do pai, aparentemente causada pelo Soldado Invernal, torna-se a motivação de T’Challa neste filme da Guerra Civil.


image

“Não me incomode, senhora Romanov. Eu vou matá-lo com as minhas próprias mãos.”


T’Challa, agora Rei de Wakanda e o novo Pantera Negra, sai à caça de Bucky Barnes, o Soldado Invernal. Rastreia sua presa até sua residência, e então faz sua entrada triunfal no traje de Pantera numa laje ensolarada. As cenas de luta e de perseguição ficaram muito boas, T’Challa lutando não para nocautear, mas para rasgar e estraçalhar seu oponente, movido pela sede de vingança - as garras de Vibranium não são brincadeira. O Pantera Negra dá um chega pra lá em Steve Rogers, o Capitão América, e no Falcão de Anthony Mackie, focado única e exclusivamente em Barnes. Mesmo quando o T’Challa tomava golpes, sempre caía em pé, já pronto pra próxima investida. Nesta cena, e nas outras que vieram, ficou nítido para mim que ele é o lutador definitivo do MCU.


22/06/2016
Fábio Kabral

Fábio Kabral

Redator

Escritor caótico e menino do rio que vai conquistar o mundo com uma flecha só.